27.3 C
Manaus
sexta-feira, maio 24, 2024

“Não teve nenhuma conversa”, diz Rodrigo de Sá sobre rumores de ser vice na chapa do União Brasil durante programa ‘Debate Político’

O presidente do Partido Progressistas no Amazonas foi o convidado da semana da nova temporada do programa Debate Político, apresentado pela CEO da empresa Érica Lima

Por

No episódio da nova temporada do programa “Debate Político”, O Convergente recebeu, nessa terça-feira (8), o atual presidente do Partido Progressistas no Amazonas, Rodrigo de Sá. O programa foi apresentado pela CEO da empresa Érica Lima, e exibido pela TV Rede Onda Digital, através do canal 8.2, e pelo canal do Youtube da Rede Onda Digital.

Logo no início do programa, o atual presidente do PP comentou sobre a sua presidência a frente do Detran Amazonas, o qual precisou se afastar devido ao pleito. De acordo com ele, o trabalho no órgão contou com três pilares.

“O resultado foi demonstrado em algumas ações com aquilo que a gente planejava desde 2019 […]. Tínhamos três grandes pilares, que era de informatizar, melhor o atendimento à população […], a interiorização do Detran, que era melhorar a oferta no interior […], e a organização administrativa”, disse.

Rodrigo de Sá ainda ressaltou que fechou esse ciclo com ‘chave de ouro’, ao comentar sobre os programas sociais do Detran-AM. “Acredito que a gente cumpriu todas as nossas metas estabelecidas desde 2019 e fechamos com chave de ouro com nossos programas sociais, todo mundo conhece que é o Detran Cidadão, que temos a CNH Social, o Motociclista Legal […] Creio que deixamos um legado, cumprimos nossas metas. Os projetos sociais são projetos de estado e não apenas de governo”, afirmou.

Ao comentar sobre a saída do Detran-AM, ele pontuou que é mais um desafio que foi dado a ele pelo governador Wilson Lima (UB), o qual definiu como seu líder político. “Wilson Lima é meu líder político, foi quem me inseriu na política. Até então, eu era um gestor e vinha na carreira pública a alguns anos. Me afastei do cargo para concorrer a deputado estadual e saímos de uma campanha muito positiva com 12 mil votos, para uma primeira experiência, uma pessoa que não era politicamente conhecida. Agora, mais uma vez, cenário diferente, eleições municipais e ele me determinou que eu me desincompatibilizasse para que a gente pensasse em algum futuro político”, enfatizou.

Presidente do Progressistas

Com a nova missão, Rodrigo de Sá destacou durante o Debate Político que um dos seus focos a frente do partido político é organizar o Progressistas e dar ao partido um protagonismo no Amazonas.

“Minha principal missão é organizar o Progressistas. Por conta do trabalho realizado no Detran, acredito que isso tenha me trago uma popularidade […], para mim, política era algo muito distante e com o trabalho no Detran isso me aproximou”, afirmou.

À Érica Lima, ele revelou que foi uma surpresa para ele o convite de se tornar gestor do PP. “Depois desse processo, veio o convite de assumir a direção do Progressistas no Amazonas. Confesso que foi uma grande surpresa para mim, mas encarei como um grande desafio e oportunidade que o governador me deu”, disse.

Rodrigo de Sá ainda afirmou que a participação do partido no Amazonas é considerada tímida, mas que o desafio é organizar a sigla e preparar o PP para o pleito. Em relação a isso, ele comentou que foram criadas comissões para composição de chapa de pré-candidatos a vereadores, prefeitos e também uma aliança entre o Progressistas e o União Brasil.

“Formamos mais de 55 comissões provisórias no interior, significa que vamos ter chapa de vereadores em todos esses municípios. Vamos encabeçar chapas para prefeitos em muitos outros e fazer dobradinha com o União Brasil para vice. Em Manaus, conseguimos construir uma chapa forte para vereador. Minha grande missão política, nesse primeiro momento, era reorganizar o Progressistas”, pontuou.

Especulações de vice

Nos bastidores políticos, o nome de Rodrigo de Sá tem sido cotado como vice na chapa de Roberto Cidade (UB), pré-candidato a prefeito de Wilson Lima. No Debate Político, o presidente do PP reforçou que é pré-candidato a vereador, mas que o cenário pode mudar.

“Até então, estou pré-candidato a vereador e compondo a chapa do Progressistas. Em relação a essa especulação como vice, fico feliz de ter meu nome lembrado. Não teve conversa nenhuma, acho que é muito cedo”, firmou.

Rodrigo Sá ainda afirmou que a suposição do seu nome para compor a chapa de Roberto Cidade é fruto do seu trabalho e da confiança do governador do Amazonas. “Tudo pode acontecer, fico feliz de ter o nome lembrado, acho que é fruto do nosso trabalho e da confiança que o governador Wilson Lima tem, mas vou continuar fazendo minha caminhada como pré-candidato a vereador até que chegue as convenções e registros de candidaturas”, comentou.

Além disso, Sá avaliou que a escolha do vice-prefeito na chapa do União Brasil deve ser uma pessoa de confiança de Wilson Lima e de Roberto Cidade. “Na política, o que é dito hoje e amanhã pode ser diferente […]. Creio que o Roberto Cidade é um cara extremamente preparado e um jovem com experiência”, completou.

Câmara Municipal de Manaus

Ao falar sobre a sua opinião referente à Câmara Municipal de Manaus (CMM), Rodrigo Sá avaliou os vereadores como um todo com a nota 5. De acordo com ele, ainda há muito o que melhorar na Casa.

“Temos vereadores extremamente preparados, outros que fazem um papel regular, mas acho que podemos melhorar. Não vou ser hipócrita e falar que está 9 ou 10, porque não é minha visão”, disse.

Além disso, o presidente do PP também falou sobre a renovação de cadeiras na CMM, uma vez que é histórica. Ele afirmou que acredita na renovação para que outros nomes possam exercer o papel de fiscalizar.

“Precisamos que tenha uma renovação e o povo que vai decidir e sabemos que isso precisa acontecer […]. Se fosse certa a recondução de todos, não teríamos eleição e por isso acreditamos na renovação. Acredito que a Câmara pode melhorar, fiscalizar o Poder Executivo, propor leis que efetivamente mudem a vida das pessoas”, avaliou.

Jogo das Cartas

No tradicional Jogo das Cartas do Debate Político, Rodrigo Sá avaliou alguns nomes de políticos amazonenses. O primeiro que apareceu na carta sorteada pelo entrevistado foi o atual prefeito de Manaus David Almeida (Avante), o qual ele classificou com a nota 5.

“Acho que falta um pouco de transparência, planejamento, ações voltadas para a população efetivamente […] Acho que pode melhorar muita coisa, respeito muito a história do prefeito David, mas acho que Manaus precisa de um choque de gestão”, disse.

Roberto Cidade foi o outro político sorteado pelo entrevistado da semana. Ao comentar sobre o presidente da Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam), Rodrigo Sá pontuou que acredita que o deputado estadual tem feito uma boa movimentação enquanto pré-candidato a prefeito de Manaus.

“Acho que ele está construindo um caminho muito bem movimentado […] O grupo acredita no segundo turno e esse crescimento é resultado do trabalho que ele fez a frente da Assembleia Legislativa e por tudo o que ele já fez”, afirmou em relação ao crescimento de Roberto Cidade nas pesquisas de intenções de voto.

O governador Wilson Lima foi o terceiro rosto sorteado e Rodrigo Sá fez questão de destacar que o governador do Amazonas tem feito um bom papel a frente do governo, que para ele é nota 10. “Não é porque estava no governo e hoje caminho com ele, mas ele é um cara extremamente humano, um cara do diálogo que está sempre pronto para ouvir as pessoas”, pontuou.

Em relação ao rompimento de apoio de Wilson Lima e David Almeida, o presidente do PP comentou que o governador fez estratégias políticas e é natural que apoiasse o nome do próprio partido. “Ele tem as razões dele, a gente não sabe o que se passou, mas ele tem as estratégias políticas dele e de fortalecimento para o União Brasil. O Roberto Cidade vem como pré-candidato a prefeito de Manaus pelo partido do governador, e é natural ele ter esse apoio”, disse.

Confira o programa na íntegra:

Leia mais: “Eu não tenho grupo político, mas duvido me ganhar no argumento”, diz Wilker Barreto durante programa ‘Debate Político’

___
Por Camila Duarte

Foto: Marcus Reis

📲 Receba no seu WhatsApp notícias sobre a política no Amazonas.

Fique ligado em nossas redes

Você também pode gostar

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

spot_img

Últimos Artigos

- Publicidade -