30.3 C
Manaus
sexta-feira, março 1, 2024

Líder indígena é alvo da PF por crimes de abuso sexual contra crianças no AM

Uma das vítimas é neta do suspeito, que tinha oito anos quando foi abusada sexualmente por ele

Por

A Polícia Federal deflagrou, na quarta-feira (10), a Operação Yaucacy, com o objetivo de reprimir o abuso sexual de crianças, praticado por indígena. Na ação, cerca de 20 policiais federais cumpriram um mandado de prisão temporária por crime hediondo contra um homem (tuxaua – líder indígena) em uma aldeia no município de Autazes.

O inquérito policial foi instaurado por meio de denúncia enviada pelo Ministério Público Federal contra o investigado para averiguar crimes de estupro, estupro de vulnerável, abuso de poder, coação de vítimas e cerceamento de direito básicos de indígenas de sua mesma comunidade.

De acordo com a Polícia Federal, o homem é suspeito de abusar sexualmente de pelo menos quatro vítimas, todas mulheres. Uma delas é neta do suspeito, que tinha oito anos quando foi abusada sexualmente por ele.

As vítimas dos abusos tiveram filhos e foram pedir para que ele providenciasse uma documentação das crianças, para que elas tivessem acesso a um benefício. Em troca da liberação, ele exigia favores sexuais das mulheres, conforme a Polícia Federal.

O investigado poderá responder pelo cometimento dos crimes citados, com penas que ultrapassam 30 anos de prisão, sem prejuízo de outros que possam surgir com a continuidade das investigações.

*Com informações da PF

Leia mais: MPF pede condenação de Júlio Cocielo por falas racistas nas redes sociais

📲 Receba no seu WhatsApp notícias sobre a política no Amazonas.

Fique ligado em nossas redes

Você também pode gostar

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

spot_img

Últimos Artigos

- Publicidade -