25.3 C
Manaus
sábado, maio 25, 2024

Em meio a polêmica de suposta propina, Israel Conte deixa o comando da Semcom

Conforme informações de bastidores, o novo secretário deve ser o publicitário Jack Serafim

Por

A Secretaria Municipal de Comunicação (Semcom) está sob novo comando. A pasta deixa de ser dirigida por Israel Conte, que recentemente precisou prestar esclarecimentos aos vereadores de Manaus sob um vídeo de suposta propina dentro do prédio do órgão. Conforme informações de bastidores, o novo secretário deve ser o publicitário Jack Serafim.

No dia 20 de março, o secretário municipal de comunicação Israel Conte precisou comparecer à sessão na Câmara Municipal de Manaus (CMM) para prestar esclarecimentos sobre o vídeo de uma suposta entrega de propina dentro do prédio da Semcom. De acordo com ele, após o conteúdo passar por uma perícia técnica, foi constatado que as imagens foram manipuladas.

O vídeo ganhou repercussão nacional com imagens que mostram um homem, que se identifica como motorista do dono de um portal de notícias para uma servidora da pasta, que entrega um pacote lacrado à ele. Logo em seguida, ele vai até o banheiro do prédio público e mostra cédulas de dinheiro.

De acordo com informações de bastidores, a saída de Israel Conte ocorre porque o secretário deve comandar a comunicação da campanha à reeleição do prefeito de Manaus David Almeida (Avante).

Apesar das informações de bastidores, a exoneração de Israel Conte ainda não foi publicada no Diário Oficial do Município (DOM), bem como a admissão de Jack Serafim na pasta. Vale pontuar que, até o fechamento desta matéria, o DOM desta sexta-feira (5) ainda não havia sido publicado.

Nas redes sociais, Jack Serafim fez uma postagem onde comentou sobre os desafios a serem enfrentados, levantando ainda mais os rumores sobre a posse na Semcom. “A vida me ensinou que não devemos ter medo de enfrentar grandes desafios. Eles nos tornam mais experientes, mas principalmente mais humanos. E em cada passo, deixar Deus agir. Quem confia seus planos ao Senhor não teme o futuro”, escreveu.

O Convergente entrou em contato com a Secretaria Municipal de Comunicação (Semcom) para obter respostas sobre a possível exoneração. Até o fechamento desta matéria, não houve retorno. O espaço segue aberto para esclarecimentos.
CPI da Semcom

A Procuradoria da CMM analisa um pedido para a instalação de uma CPI, que tem como objetivo investigar a Semcom. O documento passará por todas as fases da admissibilidade para a obtenção de parecer. Superada essa fase, a instalação da CPI será comunicada pelo presidente no Plenário Adriano Jorge.

De acordo com o Regimento Interno da Câmara Municipal, os trabalhos da CPI ocorrerão durante 30 Reuniões Ordinárias (em torno de dois meses), podendo ser prorrogada por mais 15 reuniões (cerca de um mês). As reuniões da CPI poderão ocorrer fora da Casa, desde que aprovadas pelo Plenário.

Leia mais: Com 14 assinaturas, pedido de instalação da CPI da Semcom segue para análise na CMM

___

Por Camila Duarte

📲 Receba no seu WhatsApp notícias sobre a política no Amazonas.

Fique ligado em nossas redes

Você também pode gostar

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

spot_img

Últimos Artigos

- Publicidade -