26.3 C
Manaus
quarta-feira, abril 24, 2024

LDO 2024 visa priorizar desenvolvimento econômico e infraestrutura para o estado do AM , segundo Wilson Lima

A LDO compreende as metas e prioridades da administração pública estadual, estabelece as diretrizes de política fiscal

Por

A Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) para 2024 foi aprovada, nesta quarta-feira (12), pela Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam). Um dos pontos destacados pelo governador Wilson Lima foi dar prioridade nas áreas que garantem desenvolvimento socioeconômico da população amazonense.

“Eu tenho conversado com o presidente da Assembleia Legislativa e com os deputados sobre a LOA (Lei Orçamentária Anual) para priorizar as vertentes que são importantes para fazer com que o Estado do Amazonas avance. A questão do social, como o auxílio estadual permanente, peixe no prato, e por outro lado a geração de emprego e renda com os cursos de formação e qualificação”, afirmou Wilson Lima.

Além desta questão socioeconômica, foi pontuado também a importância do segmento de infraestrutura, tendo em vista o desenvolvimento do interior do estado. “É preciso uma infraestrutura que permita o avanço do desenvolvimento econômico, como é o caso da AM-010, em que estamos em um trabalho de recuperação dessa rodovia, e no momento em que ela estiver concluída vai possibilitar a ampliação de novos negócios para aquela região”.

Sobre a LDO 2024

O Governo do Amazonas encaminhou à Aleam, no dia 31 de maio, o Projeto de Lei de Diretrizes Orçamentária (LDO) que, para o ano de 2024, é 9,75% superior à LDO de 2023, que calculou em 26,7 bilhões o volume de gastos e receitas do Estado.

A lei de diretrizes orçamentárias compreende as metas e prioridades da administração pública estadual, estabelece as diretrizes de política fiscal e respectivas metas, em consonância com a trajetória sustentável da dívida pública, orienta a elaboração da lei orçamentária anual, dispõe sobre as alterações na legislação tributária e estabelece a política de aplicação das agências financeiras oficiais de fomento.

 

Por Tatiana Nascimento com informações da assessoria

Revisora: Vanessa Souza 

Ilustração: Marcus Reis 

Leia Mais: Moraes decide ouvir depoimento de Bolsonaro sobre joias sauditas

 

Fique ligado em nossas redes

spot_img

Você também pode gostar

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

spot_img

Últimos Artigos

- Publicidade -