25.3 C
Manaus
quinta-feira, abril 18, 2024

Justiça eleitoral manda Amazonino Mendes excluir publicações ofensivas contra o governador Wilson Lima

A justiça eleitoral determinou que Amazonino Mendes exclua a publicação sob pena de multa diária de R$ 5 mil, e que se abstenha de reproduzir o conteúdo em qualquer outro meio, também sob pena de multa de R$ 5 mil

Por

O juiz auxiliar da Propaganda Eleitoral, Luís Felipe Avelino Medina, determinou que o candidato ao Governo do Amazonas, Amazonino Mendes (Cidadania), exclua postagens feitas em suas redes sociais nas quais ofende o governador e candidato à reeleição, Wilson Lima (União Brasil).

Na decisão, proferida no último dia 14 de setembro, o juiz condenou declarações de Amazonino Mendes que se referem ao governador como “chefe de quadrilha” e de que ele estaria fugindo da polícia.

“Duas são as afirmações proferidas pelos Requeridos contra as quais assesta diretamente o Requerente: (1) “chefe de quadrilha”; e (2) “esse governador, quando olha pra trás, ele vê um delegado; Não Wilson, chega, teu lugar é outro”. A primeira afirmação corresponde à imputação de crime, ao passo que a segunda, aliada à anterior, busca criar a noção de que o representante está “fugindo” de uma prisão, o que, a meu ver, configura ataque pessoal que extrapola a mera crítica política”, diz um trecho da decisão.

De acordo com o juiz, a veiculação desse tipo de conteúdo “é conduta que não se amolda à pretensão precípua da propaganda eleitoral, qual seja a proposição de ideias, projetos e ideologias”.

O juiz determinou que Amazonino exclua a publicação, sob pena de multa diária de R$ 5 mil, e que se abstenha de reproduzir o conteúdo em qualquer outro meio, também sob pena de multa de R$ 5 mil.

Confira a decisão:

Sobre o assunto, o governador Wilson Lima, afirmou que a Justiça reconhece que esse tipo de conduta, “que apela para mentiras, calúnias e ofensas”, mostra o desespero dos seus adversários com o crescimento dele nas pesquisas eleitorais. Seis pesquisas divulgadas nas últimas semanas apontam liderança de Lima na preferência dos eleitores do estado.

“Por respeito a você e à educação que eu recebi da minha família, eu não vou entrar no jogo sujo deles porque eu fui eleito como governador para trabalhar e para melhorar a vida de quem tanto precisa”, disse Wilson sobre os ataques dos adversários, durante entrevista a uma emissora de televisão na manhã de hoje.

— —

Da Redação

Foto: Reprodução Internet

Fique ligado em nossas redes

spot_img

Você também pode gostar

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

spot_img

Últimos Artigos

- Publicidade -