32.3 C
Manaus
sexta-feira, julho 12, 2024

Transporte por embarcações será o mais utilizado no Festival de Parintins, diz Arsepam

O festival atrai milhares de visitantes que optam pelo transporte hidroviário devido à geografia singular da região amazônica

Por

A estimativa é que 95 mil passageiros utilizem o transporte por embarcação, fiscalizado pela Agência Reguladora dos Serviços Públicos Delegados e Contratados do Estado do Amazonas (Arsepam), para chegar ao Festival de Parintins 2024, sendo esse o principal meio de transporte entre os visitantes.

O festival atrai milhares de visitantes que optam pelo transporte hidroviário devido à geografia singular da região amazônica, onde os rios desempenham um papel fundamental na mobilidade. A Arsepam intensifica suas ações de fiscalização durante este período, garantindo que as embarcações cumpram todas as normas de segurança e operem em condições adequadas.

“O transporte hidroviário é essencial para o acesso seguro e eficiente dos turistas ao Festival de Parintins. Nosso objetivo é assegurar que todas as viagens sejam realizadas com segurança e qualidade”, afirmou o diretor-presidente da Arsepam, Ricardo Lasmar.

Viagem Segura: Parintins 2024

Para intensificar as fiscalizações neste mês de junho, devido à alta demanda de passageiros que devem ir até à Ilha Tupinambarana, a Arsepam lançou a campanha “Viagem Segura: Parintins 2024”. A ação conta com o apoio da Comissão de Defesa do Consumidor da Assembleia Legislativa do Estado do Amazonas (Aleam), visando garantir a segurança dos usuários e a conformidade das empresas de transporte hidroviário com as normas estabelecidas pela agência.

As ações de fiscalização incluem a verificação da documentação das embarcações, condições de segurança, capacidade de passageiros e o cumprimento das normas ambientais. Além disso, a Arsepam promove campanhas de conscientização entre operadores de transporte e passageiros sobre a importância de seguir as regulamentações vigentes.

Festival de Parintins

O Festival de Parintins, que ocorre anualmente na ilha de Tupinambarana (a 369 quilômetros de Manaus), é o maior festival folclórico do mundo. Realizado no último fim de semana do mês de junho, o festival é famoso por sua competição entre dois bois-bumbás, o Caprichoso (azul) e o Garantido (vermelho). Cada boi-bumbá representa uma agremiação folclórica e os dois competem apresentando lendas, rituais indígenas e temas regionais através de música, dança e encenações teatrais em um grandioso espetáculo no Bumbódromo, uma arena construída especialmente para o evento. O festival é uma das manifestações culturais mais importantes da Amazônia, atraindo milhares de visitantes todos os anos.

Canais de denúncia

Para denúncias e dúvidas, entre em contato com a Ouvidoria da Arsepam pelo número (92) 2020-1117, pelo WhatsApp, de segunda a sexta-feira, das 8h às 14h, e também pelo 0800 280 8585. O órgão também atende presencialmente das 8h às 14h, na Rodoviária de Manaus, e de forma digital pelo sistema Fala.BR (plataforma de acesso à informação), e-mail ([email protected]) e pelas redes sociais no @arsepamamazonas.

*Com informações da assessoria

Leia mais: Festival de Parintins terá reforço de policiamento turístico durante os três dias de evento

Fique ligado em nossas redes

Você também pode gostar

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

spot_img

Últimos Artigos

- Publicidade -