31.3 C
Manaus
quarta-feira, fevereiro 28, 2024

Por indicação do pai, filha de Sinésio Campos assume cargo na Superintendência de Agricultura

A nomeação de Dionísia Soares Campos como superintendente do órgão foi oficializada na edição do Diário Oficial da União (DOU) desta quinta-feira (25). A remuneração estimada para essa posição é de aproximadamente R$ 11 mil

Por

O deputado estadual Sinésio Campos (PT) realizou uma articulação bem-sucedida e garantiu um cargo comissionado para Dionísia Soares Campos, médica-veterinária que está prestes a assumir a posição de superintendente de Agricultura e Pecuária no Amazonas, órgão vinculado ao Ministério da Agricultura e Pecuária (Mapa). A remuneração estimada para essa posição é de aproximadamente R$ 11 mil.

A nomeação de Dionísia foi oficializada na edição do Diário Oficial da União (DOU) desta quinta-feira (25). Ao assumir o cargo, ela se tornará a segunda mulher a integrar o grupo de superintendentes de Agricultura e Pecuária, juntando-se à assistente social Jane Batista, que ocupa a mesma função no Distrito Federal.

De acordo com o Portal da Transparência da Controladoria-Geral da União (CGU), a remuneração básica bruta estabelecida para o cargo de superintendentes de Agricultura e Pecuária nos estados é de R$ 11.306,90.

Dionísia possui o título de mestra em Sanidade e Produção Animal nos Trópicos, obtido na Universidade de Uberaba, e é especialista em Controle de Qualidade em Indústrias de Alimentos pela mesma instituição, conforme seu perfil na plataforma Lattes.

Esta não é a primeira vez que o deputado Sinésio Campos, presidente estadual do Partido dos Trabalhadores e líder da sigla na Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam), emplaca um membro de destaque no governo Lula.

Em fevereiro de 2023, o parlamentar obteve sucesso ao nomear Jéssica Italoema da Silva Moura, líder do PT-Mulher na regional petista, para ocupar o cargo de diretora de Gestão Intergovernamental na Secretaria Especial de Assuntos Federativos, vinculada à Secretaria de Relações Institucionais da Presidência da República. A função de Jéssica é remunerada com o salário de R$ 14.849,50.

O Portal O Convergente entrou em contato por e-mail com a assessoria do parlamentar e da superintendente, em busca de informações sobre como ocorreu a articulação para o cargo de confiança na esfera federal. Até o fechamento da reportagem, os responsáveis não retornaram às demandas.

Leia mais: José Dirceu aponta Michele Bolsonaro como possível candidata à Presidência em 2026, em meio a oposições

Fique ligado em nossas redes

Você também pode gostar

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

spot_img

Últimos Artigos

- Publicidade -