26.3 C
Manaus
quinta-feira, fevereiro 29, 2024

Ministério do Desenvolvimento Agrário concede selo a produtos indígenas

O Selo Indígenas do Brasil vai ser adotado para identificar produtos da agricultura familiar, extrativistas e artesanais

Por

A iniciativa é pioneira e já foi publicada no Diário Oficial da União. A partir de agora, o Selo Indígenas do Brasil vai ser adotado para identificar produtos da agricultura familiar, extrativistas e artesanais.

Segundo o Ministério do Desenvolvimento Agrário e Agricultura Familiar (MDA), tanto o produtor individual quanto a associação, cooperativa e empresa que produza, principalmente, com matéria-prima de origem indígena poderá usar o selo, desde que a comunidade concorde com a identificação.

Para solicitar o selo, é necessário identificar a terra indígena, aldeia, etnia e nomes dos produtores, além de apresentar declaração de respeito às legislações ambientais e indigenistas, com requerimento, ata de reunião para anuência da comunidade, que deverão ser apresentadas à Fundação Nacional dos Povos Indígenas (Funai).
O uso do Selo Indígenas do Brasil tem validade por cinco anos e pode ser renovado com antecedência de seis meses do fim do prazo, com a apresentação da mesma documentação.

A lista dos autorizados a utilizar o selo ficará disponível nos sites do MDA e da Funai. Também poderá ser consultada nas coordenações regionais da fundação. Serão ainda disponibilizados manuais sobre como reproduzir os selos nos produtos, propagandas e materiais de divulgação.

Leia mais: Alvo de CPI, Padre Lancelotti recebe apoio de Presidente Lula

Fique ligado em nossas redes

Você também pode gostar

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

spot_img

Últimos Artigos

- Publicidade -