26.3 C
Manaus
terça-feira, abril 23, 2024

Por conta de duas vagas em aberto, TRE-AM terá nova corte eleitoral

Segundo apurado pela reportagem de O Convergente, Fabrício Marques é favorito à recondução da vaga e Kon Wang deixa vaga em aberto

Por

Nos próximos dias, o Tribunal Regional Eleitoral do Amazonas (TRE-AM) deve anunciar as mudanças referentes à ocupação das vagas de membro titular.

Duas vagas estão em aberto no Tribunal Regional Eleitoral dos Amazonas (TRE-AM), uma vez que Kon Tsih Wang, membro do Tribunal Regional Eleitoral (TRE-AM), decidiu não se reeleger. Enquanto, a outra cadeira é ocupada por Fabrício Marques, que se candidatou para a reeleição da vaga relacionada ao Quinto Constitucional. É relevante ressaltar que ambos são advogados.

Segundo apurado pela reportagem de O Convergente, Fabrício Marques é favorito à recondução da vaga, mas ainda há nomes interessantes para a disputa: Carlos Edgar Tavares de Oliveira; Cristian Menes da Silva; Felipe dos Anjos Thury; Filipe de Freitas Nascimentos; Márcio Rys Meirelles de Miranda; Rodrigo Fernando de Almeida Oliveira; e, Maria Benigno, a única mulher na lista.

Diante disso, pode pesar nessa decisão a recente fala da ministra Cármen Lúcia que destaca a importância da representatividade feminina na composição dos tribunais eleitorais.

 

Outra mulher

Diferentemente do desembargador Fabrício Marques, Kon Tsih Wang optou por não se candidatar à reeleição, abrindo espaço para outros juristas.

Nos bastidores, o nome de Giselle Falconi Pascarelli tem ganhado destaque como possível substituta de Kon.

 

Mulheres com currículo forte

Mais do que a fala da ministra Cármen Lúcia, Giselle Pascarelli e Maria Benigno possuem currículos interessantes.

Sobre Giselle Falcone Medina Pascarelli Lopes, ela é graduada em Direito e pós-graduada em Direito Civil e Processo Civil. Atuou como assessora jurídica na Procuradoria-Geral do Estado do Amazonas bem como diretora de Secretaria no Tribunal de Justiça do Amazonas, atuando na advocacia privada desde 2004. Em janeiro de 2019, tomou posse como desembargadora eleitoral, passando a compor a corte do TRE-AM na classe dos advogados.

Já Maria Benigno é especialista em Direito Eleitoral. Foi presidente da comissão eleitoral da OAB/AM, é membro da Abradep (Academia Brasileira de Direito Eleitoral e Político e é professora de Direito Eleitoral da ESA OAM/AM).

Leia mais: TRE–AM intima Andreson Oliveira, prefeito de Autazes, por suposto abuso de poder econômico

_

Texto: Hector Santana

Revisão: Vanessa Santos

Arte: Giulia Renata Melo

Fique ligado em nossas redes

spot_img

Você também pode gostar

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

spot_img

Últimos Artigos

- Publicidade -