32.3 C
Manaus
quinta-feira, junho 20, 2024

No México, Wilson Lima participa da 13ª Reunião Anual da Força-Tarefa de Governadores para o Clima e Florestas

Evento é considerado um dos mais importantes espaços para discussões de iniciativas subnacionais voltadas ao meio ambiente

Por

O Governo do Amazonas participa, a partir desta terça-feira, 7/2, da 13ª Reunião Anual da Força-Tarefa de Governadores para o Clima e Florestas (GCF Task Force), que este ano será realizada na cidade de Mérida, no estado de Yucatán, no México. O evento é considerado um dos mais importantes espaços para discussões de iniciativas subnacionais voltadas ao meio ambiente.

Durante a programação, o governador do Amazonas, Wilson Lima (União Brasil) e representantes do Estado apresentam as iniciativas do Estado para a temática ambiental e valorização da população que mora nas áreas de proteção. Uma delas é o Programa Guardiões da Floresta, a maior iniciativa de Pagamentos por Serviços Ambientais do mundo, que beneficia mais de 14 mil famílias de 28 Unidades de Conservação.

Nesta edição, Wilson Lima também anuncia o projeto Escolas da Floresta em Unidades de Conservação, que trabalhará Educação Ambiental, sustentabilidade e saberes tradicionais na rede pública de Ensino, para melhorar ainda mais a qualidade de vida em áreas protegidas. E, ainda, entre outras ações, lança a regulamentação de 16 Acordos de Pesca (2019 a 2023), política implementada por Wilson Lima para o ordenamento de rios e lagos, em favor da conservação dos recursos pesqueiros, da segurança alimentar e da geração de renda.

As iniciativas estão alinhadas ao Plano de Ação de Manaus – o Manaus Action Plan, ou MAP, carta elaborada pelos estados durante a reunião realizada no Amazonas, em 2022, e que reúne compromissos e metas para reduzir emissões e beneficiar suas populações e o clima. Lançado na capital amazonense, o MAP é o documento norteador das ações da força-tarefa.

“Vamos apresentar os Guardiões da Floresta, o maior programa de pagamento por serviços ambientais do planeta, os avanços que a gente teve na nossa lei de regulamentação de serviços ambientais, a questão do crédito de carbono que a gente conseguiu avançar muito, a apresentação da nossa Escola da Floresta, que será em reservas de desenvolvimento sustentável. Vamos apresentar o que a gente tem feito nas nossas cadeias, principalmente nas nossas cadeias produtivas”, listou o Wilson Lima.

“O MAP foi lançado quando o Amazonas presidia a Força-Tarefa e, agora, nós teremos a oportunidade de trocar experiências, além de alinhar o que cada estado tem feito para implementá-lo e como podemos potencializar seus efeitos coletivamente”, afirmou.

De acordo com o secretário de Estado do Meio Ambiente, Eduardo Taveira, o grande diferencial desse Plano é que ele coloca o desenvolvimento social e a construção de uma nova economia da floresta como estratégias fundamentais de conversação ambiental.

GCF –  força-tarefa é composta por 39 estados e províncias, de 10 diferentes países. Juntos, eles detêm cerca de um terço das florestas tropicais do mundo. Essa união é considerada a maior aliança subnacional de meio ambiente. O governador Wilson Lima foi presidente da iniciativa no período de 2020 a 2022, quando o governador de Yucatán, no México, Mauricio Vila Dosal, foi eleito para presidir.

Neste ano, o tema geral desta reunião será “A saúde do planeta, a saúde de todos”. As discussões terão como base o Manaus Action Plan e as estratégias que cada estado tem desenvolvido para a sua implementação.

Agenda no México – A agenda do Amazonas em Mérida – capital de Yucatán, começou na segunda-feira (06/02), com um compromisso preliminar às sessões abertas da Reunião Anual. Na oportunidade, delegados designados do Brasil, entre eles o secretário Eduardo Taveira, participaram de uma reunião com o Comitê Executivo do GCF, junto ao Comitê Global de Povos Indígenas e Comunidades Locais.

Esta terça-feira, 7/2, começa com uma Reunião de Negócios do GCF, em sessão que conta com a participação dos delegados dos estados membros. Nesta ocasião, cada um fará uma atualização sobre os avanços da implementação do Manaus Action Plan nas suas regiões, entre outras discussões. Haverá, também, uma sessão com governadores da força-tarefa, com a participação do governador Wilson Lima.

Na quarta-feira, 8/2, iniciam-se as sessões abertas a convidados e ao público geral. Serão realizadas diferentes mesas de trabalho e painéis baseados nos eixos estruturantes do MAP: pessoas e comunidades, conhecimento, tecnologia e inovação, financiamento, investimento e setor privado e governo e políticas públicas.

O primeiro, “Diálogo de abertura: governança e política pública para o desenvolvimento econômico sustentável”, terá Wilson Lima como um dos painelistas. O encerramento do dia será um painel, com participação do secretário de Estado do Meio Ambiente, Eduardo Taveira, sobre “Finanças, Investimentos e o Setor Privado: parcerias, desafios e oportunidades”.

Os painéis e mesas de trabalho do MAP continuam na quinta-feira e sexta ( 9 e 10/2).

 

Da Redação com informações da assessoria de imprensa

Foto: Divulgação / Secom

Fique ligado em nossas redes

Você também pode gostar

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

spot_img

Últimos Artigos

- Publicidade -