27.3 C
Manaus
quarta-feira, julho 24, 2024

Deputados aprovam revogação do título de Cidadão do Amazonas de Durango Duarte

A revogação veio após o publicitário afrontar a casa e desprezar o título. Com apenas dois votos contrários, o projeto de lei que retira o título de Durango foi aprovado na Aleam

Por

Os deputados estaduais aprovaram nesta quarta-feira, 26/5, o projeto de lei 265/2021 de autoria Fausto Júnior (MDB) que revoga a concessão do título de Cidadão do Amazonas ao publicitário Durango Duarte. A honraria foi concedida ao publicitário por meio do Projeto de Lei 444, de 19 de dezembro de 2017. A revogação veio após Durango afrontar a casa e desprezar o título.

Em entrevista concedida a um portal local, o publicitário criticou os deputados amazonenses por supostamente serem beneficiados por alianças com o Poder Executivo e por isso não apreciaram os pedidos de impeachment do governador Wilson Lima (PSC). Em seguida, o empresário afirmou que o custo do Poder Legislativo é muito alto para o contribuinte e que o trabalho dos deputados não é justificável.

Votos contrários – Durante a votação de revogação, o deputado Serafim Corrêa (PSB) fez um apelo para que a pauta fosse retirada. Conforme ele, mesmo discordando do discurso de Durango, a votação só daria mais visibilidade negativa para casa.

“Não concordo com nada do que o Durango disse. Acho que foi um momento infeliz, mas eu tenho que defender o direito dele expressar sua opinião e assumir as consequências da opinião emitida. Entendo a posição do colega Fausto. Eu também já tive 25 anos, mas hoje tenho 74. Numa hora como essa, tem que jogar um balde de gelo”, disse o deputado.
O deputado Wilker Barreto (Pode) também votou contra a revogação do título. Para o político, os deputados que se sentiram atacados deveriam buscar por justiça, mas a revogação do título de cidadão amazonense em função de posicionamento opinativo é extremo.

“Tem muitas falas, muitos títulos que se nós abrirmos esse precedente vamos fazer muitas revogações de homenagens. Eu vou nessa linha do direito de expressão, aquele que se sentir caluniado que busque os remédios jurídicos pra isso, mas eu voto contra essa ação”, externou Barreto.

Roberto Cidade (PV), presidente da Assembleia Legislativa afirmou que Durango desrespeitou a casa duas vezes e que menosprezou os deputados. “Durango Duarte afrontou esta Casa Legislativa duas vezes. Ele mandou um e-mail pedindo a revogação do título e depois mandou mensagens de WhatsApp para todos os deputados pedindo a revogação do título de Cidadão do Amazonas, dizendo que não queria mais a comenda. Ele quis ser mais forte que este poder e se adiantar a nossa decisão. A revogação foi aprovada pelo plenário e vida que segue”, finalizou Cidade.

_ _ _

Foto: Divulgação

Fique ligado em nossas redes

Você também pode gostar

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

spot_img

Últimos Artigos

- Publicidade -