29.3 C
Manaus
sexta-feira, julho 12, 2024

Com vigência de 6 a 12 meses, renovação de contratos da Manauscult vai custar R$ 6 milhões aos cofres públicos

Os serviços renovados pela gestão de David Almeida incluem agenciamento de viagens, locações de palco e iluminação, entre outros

Por

Nomeado pelo prefeito David Almeida (Avante) para liderar a Fundação Municipal de Cultura, Turismo e Eventos (Manauscult), o secretário Jender Lobato assinou a renovação de seis contratos da pasta, totalizando R$ 6 milhões. A informação foi publicada no Diário Oficial do Município em 2 de julho.

Lobato assumiu o cargo em 9 de junho, e em menos de um mês, já delineou direcionamentos de gastos para a Manauscult, que incluem a renovação desses contratos.

Os contratos renovados abrangem agenciamento de viagens, locação de palco, locação de equipamentos de iluminação, praticável pantográfico de alumínio, locação de climatizador e tablado. Cinco dos contratos têm duração de seis meses, enquanto um tem duração de doze meses.

O maior montante, de R$ 2,8 milhões, será destinado à Ecoart Soluções LTDA, CNPJ 11.781.576/0001-50, pela locação de tablado durante seis meses.

Em seguida, a AMZ Produções Artísticas e Eventos LTDA, CNPJ 09.528.554/0001-30, receberá R$ 1,4 milhão pelos equipamentos de iluminação locados pelo mesmo período.

A Manauscult também renovou o contrato com a Trevo Turismo LTDA, CNPJ 03.176.083/0001-62, no valor de mais de R$ 1 milhão para agenciamento de viagens, também por seis meses.

Os contratos menores são para a locação de praticável pantográfico de alumínio, mais de R$ 337 mil para a Toilets Eventos e Conservação LTDA, CNPJ 11.743.790/0001-11, e locação de climatizador, mais de R$ 283 mil para a Bergamasco Locação de Estruturas, Tendas e Eventos LTDA, CNPJ 02.655.275/0001-99. Ambos os contratos têm validade de seis meses.

A única renovação com vigência de 12 meses é para a locação de palco, com a DM de Aguiar e Cia LTDA, CNPJ 07.908.761/0001-95, cujo valor não foi divulgado.

Apesar da publicação das informações sobre as renovações contratuais, os documentos não detalham os motivos por trás das decisões da Manauscult, bem como também não informa onde os serviços serão realizados.

Recentemente, mais verbas públicas foram autorizadas pelo prefeito David Almeida. Conforme relatado por O Convergente, um aditivo de R$ 7,1 milhões foi solicitado pela Manauscult para o agenciamento de apresentações artísticas, assinado pelo ex-presidente da pasta, Reginei Rodrigues.

Outro lado

Para obter mais informações, O Convergente tentou contatar a Manauscult para questionar os motivos das renovações e a aplicação dos serviços. A equipe de reportagem também procurou entrar em contato com as empresas envolvidas.

No entanto, O Convergente não conseguiu localizar os contatos das empresas Trevo Turismo e Bergamasco Locação de Estruturas, mesmo consultando a Receita Federal. Este espaço está aberto para envio de esclarecimentos.

Até o momento da publicação desta matéria, não houve retorno das partes. O espaço continua disponível para futuros esclarecimentos.

Leia mas: “A oposição da Câmara simplesmente adiou aquilo que era para ser feito”, acusa David Almeida, vereadores por atraso de obras de feiras de Manaus

____

Por Camila Duarte

Ilustração: Marcus Reis

Revisão: Letícia Barbosa

📲 Receba no seu WhatsApp notícias sobre a política no Amazonas.

Fique ligado em nossas redes

Você também pode gostar

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

spot_img

Últimos Artigos

- Publicidade -