31.3 C
Manaus
sexta-feira, julho 12, 2024

Comitê de Combate à Desinformação auxiliará atuação do TRE-AM no pleito

O Comitê também ficará responsável por atender a imprensa para esclarecimentos sobre o processo eleitoral deste ano

Por

Nesta quarta-feira (12), o Tribunal Regional Eleitoral do Amazonas (TRE-AM) inaugurou a sala que sediará o Comitê de Combate à Desinformação (CCD), que tem como objetivo combater informações falsas referentes ao pleito 2024. Na ocasião, o presidente do TRE-AM João Simões destacou a importância da atuação do comitê durante o processo eleitoral para auxiliar no trabalho do presidente do pleito pelo TRE-AM, o juiz Rafael Rodrigo da Silva Raposo.

Além do trabalho relacionados às denúncias, o Comitê também ficará responsável por atender a imprensa para esclarecimentos sobre o processo eleitoral deste ano. Ao discursar, o juiz eleitoral e chefe do Comitê, Marcelo Manoel da Costa Vieira, comentou sobre a veiculação de notícias falsas que questionaram a lisura do processo eleitoral.

“A Justiça Eleitoral sofreu com a questão das fake news, quando se colocou em dúvida a lisura do sistema eletrônico de votação, o que motivou que nas eleições de 2022 fosse feito a maior auditoria no processo eleitoral nas urnas e que constataram a segurança das urnas continuam inabalável”, disse.

O chefe do Comitê ainda reforçou que a criação da pasta se deu por conta do aumento de notícias falsas. “Por conta dessas questões, por sentir que notícias mentirosas causam prejuízo, se buscou por esse comitê que esse combate seja feito de forma mais expressiva e dinâmica”, comentou.

Ao discursar, o juiz responsável pelo pleito 2024, Rafael Rodrigo da Silva Raposo, afirmou que estará à disposição do Comitê. “Como presidente do pleito quero aqui fazer votos que esta excelente ferramenta irá culminar no ato da diplomação na lisura do processo eleitoral […]. Coloco-me a disposição de todos”, disse.

O presidente do TRE-AM, o desembargador João Simões, falou sobre a criação do Comitê e pontuou que ele será um suporte para o trabalho do presidente do pleito. “Nós do Tribunal vemos esse Comitê para dar suporte ao presidente do pleito, para atender de forma mais celere e segura todos esses possíveis ataques a honra dos candidatos e ao processo eleitoral de forma geral. Este Comitê funcionará 24 horas, todos os dias da semana”, explicou.

Ao dar detalhes sobre o funcionamento do Comitê, o presidente do TRE-AM afirmou que terão duas equipes atuando, uma de forma presencial e a outra de forma on-line. “Teremos pessoas que ficarão na linha de frente, com equipes para ir ao local e verificar se está acontecendo aquilo que está sendo denunciado e outra turma que ficará nas redes sociais para saber se há alguma notícia que precisa ser checada ou denúncias que cheguem a este Comitê para que providências sejam tomadas”, comentou.

Leia mais: Juiz Federal Érico Pinheiro é empossado como membro substituto do TRE-AM

📲 Receba no seu WhatsApp notícias sobre a política no Amazonas.

Fique ligado em nossas redes

Você também pode gostar

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

spot_img

Últimos Artigos

- Publicidade -