26.3 C
Manaus
sexta-feira, abril 12, 2024

Secretaria de Educação de Manacapuru é alvo de investigação por suposta rede de corrupção

Entre os alvos da operação estavam o secretário Raimundo Conde e o subsecretário Afonso Luciano

Por

Na última terça-feira (12), o município de Manacapuru foi alvo da operação “Compadrio”, do Ministério Público do Amazonas (MPAM), que apontou uma suposta rede de corrupção na Secretaria de Educação e Cultura de Manacapuru. Entre os alvos da operação estavam o secretário Raimundo Conde e o subsecretário Afonso Luciano.

A operação foi coordenada pelo Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (GAECO/CAO-CRIMO) e a 3ª Promotoria de Justiça de Manacapuru.

De acordo com as autoridades, o foco seria investigar o suposto desvio de verbas públicas destinadas aos Conselhos de Escolas e às Associações de Pais e Mestres das escolas municipais, em um contexto de corrupção e lavagem de dinheiro.

Segundo as investigações do Gaeco, a suposta rede de corrupção era caracterizada por desvios de fundos do salário-educação para contas de servidores, familiares e terceiros. O esquema teria sido comandado por altos funcionários da Secretaria, configurando uma grave malversação de recursos educacionais.

Leia mais: Ação que multou Beto D’Ângelo por aglomeração em campanha eleitoral durante pandemia é mantida pelo TRE-AM

📲 Receba no seu WhatsApp notícias sobre a política no Amazonas.

Fique ligado em nossas redes

spot_img

Você também pode gostar

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

spot_img

Últimos Artigos

- Publicidade -