29.3 C
Manaus
sábado, abril 20, 2024

Contas do governo fecham 1º semestre com rombo de R$ 42,5 bilhões

Em junho, o déficit primário foi de R$ 45,2 bilhões

Por

As contas do governo federal fecharam o primeiro semestre deste ano com rombo de R$ 42,5 bilhões, de acordo com relatório divulgado nesta quinta-feira (27) pela Secretaria do Tesouro Nacional. Em junho, o déficit primário foi de R$ 45,2 bilhões.

O resultado de junho é o pior para o mês desde 2021, quando o rombo foi de R$ 84,8 bilhões, em valores corrigidos pela inflação. No ano passado, o governo registrou superávit de R$ 14,6 bilhões.

No acumulado do ano, a diferença também é grande. No primeiro semestre do ano passado, o governo registrou superávit de R$ 54,3 bilhões.

O déficit acontece quando a arrecadação do governo com tributos é menor que os gastos, sem considerar o pagamento de juros da dívida pública. Já o superávit é o contrário, ou seja, quando a receita é maior que as despesas.

De acordo com o secretário do Tesouro, Rogério Ceron, a comparação entre 2023 e 2022 demonstra tanta diferença porque, no ano passado, o governo teve receitas extraordinárias relacionadas à concessão da Eletrobras e ao pagamento de dividendos pelo Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES). Segundo ele, essas receitas “criaram uma distorção”.

Leia mais: STF ratifica entendimento de que recursos do Fundeb não devem ser usados para pagamento de honorários

__

Por July Barbosa com informações CNN

Foto: Mateus Bonomi/AGIF/Estadão Conteúdo

Fique ligado em nossas redes

spot_img

Você também pode gostar

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

spot_img

Últimos Artigos

- Publicidade -