30.3 C
Manaus
quarta-feira, junho 12, 2024

Gabriel Galípolo é exonerado do Ministério da Fazenda e pode assumir cargo no BC

Decisão foi oficializada na edição do Diário Oficial da União desta terça-feira (20).

Por

O economista Gabriel Galípolo, que será sabatinado para o cargo de diretor de política monetária do Banco Central (BC), foi destituído de sua posição na Secretaria-Executiva do Ministério da Fazenda. Essa decisão foi oficializada na edição do Diário Oficial da União desta terça-feira (20).

No lugar dele, o presidente Lula (PT) nomeou o advogado e ex-diretor da Meta Dario Carnevalli Durigan. Com isso, Durigan passa ser o “número 2” do Ministério da Fazenda, ficando atrás apenas de Fernando Haddad que é ministro da pasta

Galípolo foi oficialmente indicado para o cargo no Banco Central em maio. Considerado “braço direito” de Haddad, o economista será sabatinado pela Comissão de Assuntos Econômicos do Senado no dia 27 de junho.

Caso seja aprovado pelo Senado, Galípolo será um dos diretores a compor o Comitê de Política Monetária (Copom) do Banco Central, participando das discussões do colegiado para a formação da Selic, que é a taxa básica de juros.

O ministro da Relações Intitucionais Alexandre Padilha acredita que a indicação de Galípolo ao BC não deve sofrer resistência por parte dos senadores.

Leia mais: Haddad defende possibilidade de exploração de petróleo na foz do Rio Amazonas

_

Hector Santana, com informações do G1

Foto: Washington Costa/MF

Fique ligado em nossas redes

Você também pode gostar

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

spot_img

Últimos Artigos

- Publicidade -