26.3 C
Manaus
quarta-feira, abril 24, 2024

Ex-superintendente da Suframa, Ana Maria se despede do cargo da Autarquia por meio de nota

Marcelo Souza Pereira, servidor da Superintendência da Zona Franca de Manaus (ZFM) assumiu, o cargo de superintendente interino da Autarquia. Marcelo Pereira vai substituir a economista e servidora do órgão, Ana Maria Souza

Por

Ana Maria de Souza, servidora da Suframa, deixou o cargo de Superintendente interina da Autarquia, que estava no posto desde o último dia 26 de janeiro. A servidora pública pro meio de nota deixou seus agradecimentos e despedida.

Ana é uma das funcionárias mais veteranas da casa, que tem prestígio entre os colegas por ter desenvolvido muitas das normas que são executadas até hoje. Além do seu legado na autarquia e nas empresas do pólo.

Economista e Advogada, Mestre em Desenvolvimento Regional, Especialista em Direito Público e Comércio Exterior. Foi eleita Economista do Ano de 2020 e escolhida uma das três melhores economistas mulheres de 2021, foi Superintendente, interina da Suframa e atualmente está como Superintendente Adjunta Executiva, substituta.

Novo Superintendente

Marcelo Souza Pereira, servidor da Superintendência da Zona Franca de Manaus (ZFM) assumiu, o cargo de superintendente interino da Autarquia. Marcelo Pereira vai substituir a economista e servidora do órgão, Ana Maria Souza. A nomeação foi realizada na manhã do sábado, 18/2, e foi publicado no Diário Oficial da União (DOU), e assinada pelo ministro-chefe da Casa Civil, Rui Costa.

NOTA DE DESPEDIDA E AGRADECIMENTOS!

Dirijo-me a cada um de vocês com meus sinceros agradecimentos! Assumi a direção da Suframa num momento único, numa divisão governamental de extremos, algo jamais vivenciado na história do Brasil e especialmente na história da ZFM. Nestes 50 dias de interinidade, percebi o peso da responsabilidade de administrar uma autarquia tão importante para a economia do Estado do Amazonas. Sei que tomei decisões difíceis, mas cada decisão (recheada de dor ou angústia) foi com o propósito do melhor para o coletivo da autarquia e, especialmente para que eu mantivesse o controle governamental do órgão.

Como mulher e ocupando de forma interina o maior cargo da Suframa posso afirmar a exata dimensão do que é ser gestora deste Órgão.

Dia a dia tive que provar minha competência e reafirmar a minha posição como gestora, uma vez que, ainda há quem carregue consigo pensamentos e posturas misóginas tanto dentro como fora da Suframa. Aproveitando o ensejo, quero expressar o quão profissional e competente são as mulheres gestoras da Suframa.

Quando propus a alguns servidores trabalharem comigo neste momento de transição, esperei ouvir frases como “não posso me indispor” ou “você é interina e logo deixará o cargo”, contudo, fui surpreendida com as frases: “Aceito porque é você”, “Vamos fazer esta transição até o próximo chegar” e ainda “Ana, conte comigo! ”

Por esses profissionais (que prefiro não nominar, porque eles sabem de quem falo) é que tenho segurança em afirmar que a Suframa dispõe em seu quadro de servidores grandes homens e mulheres. OBRIGADA PELO APOIO!

Sei que não agradei a todos, mudanças na equipe e consequentemente exonerações fazem parte deste momento de transição, mas a médio e longo prazo será possível visualizar que todas as mudanças foram pensadas sobre a perspectiva do que é melhor para a Suframa. Nenhuma decisão foi tomada por motivos pessoais.

Reafirmo aqui o que já disse em ocasiões internas, a Suframa está doente! É inadmissível termos um corpo técnico tão qualificado, mas doente psiquiatricamente. Basta de maltrato, abusos psicológicos e denúncias infundadas, isso só corrói a nós servidores!

Destaco que é preciso fortalecer em quantidade e qualidade nossos recursos humanos para que possamos cuidar dos servidores da Suframa. E foi no comando da autarquia que percebi o quanto precisamos nos unir, enquanto servidores e nos valorizar internamente.

Ressalto que dívidas de gratidão são impagáveis! Assim, sem expressar nomes, finalizo minha despedida da Superintendência interina, salientando meus agradecimentos aos corajosos servidores que me ajudaram nos últimos 50 dias a manter a Suframa de forma ordenada, organizada, correta e leal ao seu maior propósito.

Não tenho palavras para dizer o quanto sou grata a todos aqueles servidores que me deram apoio nesta gestão. E vocês sabem, de forma individualizada, a transparência e sinceridade, que construímos a ponte para o novo Superintendente.

Agora posso protocolar meu atestado, porque a saúde “tá muito fraca”!

Obrigada!

Manaus, 18/02/2023

Ana Maria Souza

Servidora da Suframa

 

Fique ligado em nossas redes

spot_img

Você também pode gostar

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

spot_img

Últimos Artigos

- Publicidade -