27.3 C
Manaus
quarta-feira, maio 22, 2024

‘Político não tem que ter medo do povo’, diz Miltinho Castro em entrevista no quadro ‘Debate Político’, do O Convergente

Presidente estadual do PSC no Amazonas, Miltinho Castro já participou de outros pleitos eleitorais, tanto como candidato e como presidente da sigla. Na entrevista, ele ressaltou que sempre investiu em projetos sociais na área de educação

Por

Pré-candidato a deputado estadual nas eleições deste ano e presidente da executiva estadual do Partido Social Cristão (PSC) no Amazonas, Miltinho Castro, foi o convidado do quadro “Debate Político”, do Portal o Convergente, dessa quinta-feira, 23/6. 

Na ocasião, Miltinho falou como é representar uma sigla no Estado, os trabalhos que estão sendo realizados na sua gestão à frente da legenda, onde conseguiu inserir a ala indígena no PSC, que tem um representante do meio na direção, do movimento cristão na política, do grupo de formação política do PSC, além de sua pré-candidatura e do cenário político local e nacional. 

Miltinho ainda destacou que a tarefa de ser presidente de um partido não é fácil e a comparou como uma empresa, em que o dono precisa gerenciar, ampliar e desenvolver o local, ressaltando que quando assumiu o PSC no Estado era um micropartido e hoje é um dos maiores do Amazonas.

“O presidente de um partido é como se fosse uma empresa. Uma empresa em que você tem que gerenciá-la e ampliar suas bases e seus horizontes para que nós possamos estar, principalmente, no estado, em nossos municípios, onde nós temos representação política. O PSC é um dos maiores do Amazonas. Nós assumimos a presidência em 2019 e desde lá nós viemos trabalhando para que o PSC tivesse mais filiados e militantes”, disse Miltinho ressaltando que ampliou suas bases com seis segmentos (indígena, mulheres, jovens, movimento cristão e outros), ao contrário das nacionais que trabalham na maioria com dois eixos (jovens e mulheres).

Ao falar sobre eleições, Miltinho, que já foi secretário estadual de governo, disse que o político não pode ter medo do povo, pois a população precisa ser ouvida para que sejam desenvolvidas políticas públicas de acordo com os anseios do povo.

“Político não tem que ter medo do povo. A gente tem que ouvi-los, tem que conversar com as pessoas. Nós sabemos que não podemos resolver tudo e nem tudo está ao nosso alcance, mas você não tem que ter medo de conversar com a população”, disse Castro.

Pré-candidatura – Miltinho Castro disse que já é experiente em participar de eleições e que os projetos sociais na educação o fizeram chegar nesse momento.

“Na realidade eu já fui pré-candidato em 2012, a vereador, por um partido, e em 2014 a deputado estadual, e naqueles momentos tivemos boas votações e criamos muitos projetos sociais, inclusive na área de educação, que nos fizeram chegar até aqui”, enfatizou Miltinho.

Apoio político – Embora o governador do Amazonas, Wilson Lima (União Brasil), tenha saído da sigla ao qual foi eleito, Miltinho afirmou que o PSC vai apoiá-lo no pleito deste ano.

Confira a entrevista na íntegra:

 

Por Edilânea Souza

Fotos: Marcus Reis

Fique ligado em nossas redes

Você também pode gostar

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

spot_img

Últimos Artigos

- Publicidade -