25.3 C
Manaus
quinta-feira, abril 18, 2024

Indígenas do Vale do Javari realizam protesto e pedem justiça no desaparecimento de jornalista e indigenista

Os indígenas também cobraram maior atuação do Governo Federal e fiscalização em suas terras, além de protestarem contra os Projetos de Lei (PL) Nº 191, que autoriza atividades de mineração e a construção de hidrelétricas, e o PL Nº 490, referente a alterações na possibilidade de demarcação dos territórios indígenas, o chamado Marco Temporal

Por

Na manhã desta segunda-feira, 13/6, indígenas do Vale do Javari foram às ruas em Atalaia do Norte, no Amazonas, para pedir justiça pelo indigenista Bruno Pereira e pelo jornalista inglês Dom Phillips, desaparecidos desde o domingo, 5/6, na região. A manifestação cobra maior atuação e fiscalização do governo nas terras indígenas.

Os manifestantes percorreram as principais ruas do município com flechas e cartazes. Participaram do protesto lideranças de todas as etnias que vivem na região, exceto grupos isolados. “Bruno lutou pelo Vale do Javari, agora o Vale do Javari luta por Bruno e Dom”, dizia uma faixa estendida pelos indígenas.

Eles também se manifestaram contra os Projetos de Lei Nº 191, que autoriza atividades de mineração e a construção de hidrelétricas em terras indígenas, e Nº 490, referente a alterações na possibilidade de demarcação dos territórios indígenas, o chamado Marco Temporal. Ao fim do ato, lideranças de comunidades discursaram na praça principal da cidade.
“Nosso manifesto fala da omissão do Estado, que deixou de assumir sua responsabilidade por meio da Funai e coloca a vida dos povos indígenas em situação de vulnerabilidade”, defendeu a liderança Manoel Churimpa, do povo Marubo, e membro da organização União dos Povos Indígenas do Vale do Javari (Univaja), disse ele em entrevista.
O representante defende que a falta de atuação das autoridades competentes seria responsável pelo aumento da violência e do número de invasões, ameaçando a vida dos povos isolados.
Desaparecimento – Segundo informações preliminares, Pereira e Phillips desapareceram quando faziam o trajeto entre a comunidade Ribeirinha São Rafael e a cidade de Atalaia do Norte.

De acordo com a esposa do britânico, Alessandra Sampaio, as equipes de buscas teriam localizado os cadáveres dos dois homens nesta segunda-feira, 13/6. A Polícia Federal e a Univaja negam a informação.

Confira imagens da manifestação:

Da Redação com informações do Metrópoles

Foto: Pedro Ladeira/Folhapress

Fique ligado em nossas redes

spot_img

Você também pode gostar

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

spot_img

Últimos Artigos

- Publicidade -