26.3 C
Manaus
quarta-feira, abril 24, 2024

PT reinaugura sede local com discursos sobre unidade contra governo Bolsonaro

O Partido dos Trabalhadores no Amazonas reinaugurou sua sede própria com pompa e circunstância. A cerimônia comandada pelo presidente estadual do partido, Sinésio Campos e pelo presidente municipal, Valdemir Santana reuniu lideranças locais e estaduais, além de nomes importantes de outras siglas partidárias.

Por

O Partido dos Trabalhadores (PT) no Amazonas reinaugurou sua sede própria, localizada na avenida Constantino Nery, Centro, neste dia 13 de setembro com pompa e circunstância. A cerimônia comandada pelo presidente estadual do partido, Sinésio Campos e pelo presidente municipal, Valdemir Santana reuniu lideranças locais e estaduais, além de nomes importantes de outras siglas partidárias.

Pelo PCdoB esteve presente o ex-deputado Eron Bezerra e pelo PL o vice-presidente da Câmara dos Deputado, deputado federal Marcelo Ramos. O senador Omar Aziz (PSD), que era aguardado com entusiasmo por militantes do PT, enviou uma gravação em vídeo para parabenizar pela cerimônia.

O descontentamento de alguns foi evidenciado na fala do apresentador da cerimônia que, ao final do vídeo, afirmou: “Me surpreendeu também, pensei que fosse ser por videoconferência”.

Especula-se que Omar venha a ser o nome do PT ao Senado nas eleições do ano que vem. Os alinhamentos em torno disso estariam avançando a passos largos.

Lançou-se – O vereador Cícero Custódio, o Sassá da Construção Civil, aproveitou a oportunidade para colocar seu nome à disposição para concorrer a qualquer projeto ao qual o partido tenha interesse, inclusive como candidato ao governo do Amazonas.

“Sou polêmico, mas sou verdadeiro. Estamos aqui para nos unir. Ou vamos querer ter mais um Bolsonaro no poder? Temos que construir, ninguém chega ao poder sozinho. O PT precisa de candidatos e o meu nome está disponível para o governo do Amazonas, inclusive”, afirmou.

Ausência – Um dos nomes de maior representatividade do PT local neste momento, o deputado federal Zé Ricardo foi ausência notada no evento. Ela estaria em uma solenidade e não teria conseguido chegar a tempo do encerramento da cerimônia, que teve início às 9h, com o descerramento da placa de reinauguração na área externa, e encerrou próximo ao meio dia.

Esforço – Mesmo tendo participado do ato contrário ao presidente Jair Bolsonaro realizado em São Paulo no domingo, 12/9, o deputado Marcelo Ramos fez questão de participar do evento do PT local para, conforme ele, “unir esforços de diálogo para enfrentar um inimigo comum”.

Oriundo dos movimentos de esquerda, Ramos destacou a trajetória do PT e afirmou ser um democrata que “não perde a oportunidade de construir convergências onde elas parecem não existir”.

“Sou democrata e acredito nos nossos esforços de diálogo para que a gente enfrente um inimigo comum, que não é apenas o Bolsonaro, mas tudo o que ele representa. O Brasil está muito sofrido. A situação no Brasil ainda é grave porque esse irresponsável que preside o país negou a vacina. Precisamos nos unir por emprego, por comida na mesa das pessoas, precisamos ter a grandeza de unir e derrotar esse governo, por isso estou aqui, porque sei que esse é o lado do PT”, afirmou.

— —

Por Michele Gouvêa

Fotos: Divulgação

 

 

 

Fique ligado em nossas redes

spot_img

Você também pode gostar

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

spot_img

Últimos Artigos

- Publicidade -