26.3 C
Manaus
quarta-feira, abril 24, 2024

Deputado George Lins critica descaso de companhias aéreas com o interior do Amazonas

As empresas vêm cancelando, sucessivamente, voos para o interior do estado, prejudicando os moradores da região; estes que ficam impossibilitados de sair ou retornar ao município

Por

O deputado estadual Dr. George Lins (União Brasil) criticou, nesta terça-feira (14/03), o descaso da Voepass Linhas Aéreas e da Azul Linhas Aéreas com os municípios do interior do Amazonas. As empresas vêm cancelando, sucessivamente, voos para o interior do estado, prejudicando os moradores da região; estes que ficam impossibilitados de sair ou retornar ao município.

“As duas companhias aéreas (Voepass e Azul) possuem um histórico de má prestação de serviço ao povo do interior, e eu não me calarei diante de situação como essa. Carauari, por exemplo, é um município que sofre muito com esses cancelamentos de voos aleatórios, sem justificativas, que penalizam o povo”, disse o parlamentar.

A Voepass é a única companhia que realiza voos regulares para a cidade de Carauari. Na semana passada, os voos que deveriam ocorrer na terça, quarta e quinta não aconteceram. Além de Carauari, a companhia opera em Manaus, Parintins, Coari e Porto Urucu. Já a Azul possui voos comerciais em 14 municípios do estado.

O deputado explicou ainda que as empresas passaram a receber benefícios fiscais desde o dia 11 de agosto de 2022, por intermédio da Lei n. 6031/2022, que concede redução da alíquota do imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) para os combustíveis aéreos, mantendo assim um transporte regular nos municípios do interior do Amazonas. Em alguns casos, a redução chega em até 7% da alíquota do ICMS.

“Estas empresas estão usufruindo de benefícios fiscais indevidamente e não estão dando sua contrapartida para a população. Sabemos que aqui no Amazonas, um estado de grandes dimensões, a logística de transporte acontece pelo ar ou pela água”, finalizou o deputado.

O parlamentar informou que, atendendo ao pedido do prefeito de Carauari, Bruno Ramalho, e dos vereadores do município, protocolou um requerimento destinado à Agência nacional de Aviação Civil (ANAC) para que ela cobre explicações da companhia aérea Voepass e adote providências para que este evento não ocorra mais.

 

Por: Informações para a imprensa

Fotos: Leandro Castro

Fique ligado em nossas redes

spot_img

Você também pode gostar

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

spot_img

Últimos Artigos

- Publicidade -