32.3 C
Manaus
domingo, junho 16, 2024

Governo organiza estrutura para funeral de Amazonino Mendes no Teatro Amazonas

O funeral, em respeito à trajetória política de Amazonino, terá início na tarde da quinta-feira, 16/2, às 17h, no hall do Teatro Amazonas, com abertura para visitação do público, acesso da imprensa e homenagens de autoridades. Às 14h, será realizada uma solenidade reservada aos familiares

Por

O Governo do Amazonas preparou estrutura e efetivo estadual para as últimas homenagens ao ex-governador do Amazonas Amazonino Armando Mendes. O funeral, em respeito à trajetória política de Amazonino, terá início na tarde da quinta-feira, 16/2, às 17h, no hall do Teatro Amazonas, com abertura para visitação do público, acesso da imprensa e homenagens de autoridades. Às 14h, será realizada uma solenidade reservada aos familiares.

Para a realização da solenidade, o Governo do Amazonas disponibilizará tendas para formação de fila de visitação do público, ambulâncias, equipes de enfermagem e do Corpo de Bombeiros e agentes das forças de segurança pública, que atuarão nas imediações.

Servidores do Fundo de Promoção Social e Erradicação da Pobreza (FPS) e da Secretaria de Estado da Assistência Social (Seas) organizarão as filas de visitação, e haverá distribuição de água coordenada pela Companhia de Saneamento do Amazonas (Cosama), com apoio da Fundação Amazonas de Alto Rendimento (Faar).

Programação – Após o traslado de São Paulo ao Aeroporto Internacional Eduardo Gomes, em Manaus, na quinta-feira, o corpo de Amazonino Mendes será conduzido, em carro fúnebre, até o Teatro Amazonas, com chegada ao local prevista para meio-dia e meia.

As primeiras homenagens no Teatro Amazonas terão início às 14h, sendo reservadas para a família do político, homenagens das autoridades.

A visitação do público iniciará, às 17h, da quinta-feira, seguindo até às 5h da manhã do sábado (18/02), em regime de 24 horas. No entanto, para ter acesso ao funeral na madrugada do último dia é necessário estar na fila até meia-noite de sábado.

Na manhã de sábado, será realizado, às 8h, culto reservado à família, seguido pela solenidade de honras militares. A saída do cortejo acontecerá às 9h, com passagem pelo Palácio Rio Negro, na Avenida Sete de Setembro; primeira unidade da Universidade do Estado do Amazonas (UEA), situada na avenida Leonardo Malcher; Sede do Governo, Avenida Brasil, e segue para solenidade de cremação reservada à família.

Acesso para população – A fila de acesso ao funeral será formada na lateral do Teatro Amazonas, com entrada pela porta da lojinha, ao lado da rua José Clemente, e saída pela porta da bilheteria (jardim do teatro).

A população que for ao local, também vai poder acompanhar o funeral a partir de dois telões posicionados no Largo de São Sebastião, com transmissão ao vivo pela TV Encontro das Águas.

Imprensa – Os veículos de comunicação terão uma área reservada dentro do Teatro Amazonas, situada ao lado esquerdo da entrada principal, com tempo de permanência de 10 minutos por veículo. Na quinta-feira, o acesso da imprensa ao velório será a partir das 17h, até às 19h. Já na sexta-feira (17/02) será permitida a entrada das equipes em três horários durante o dia, sendo: das 6h às 8h; 11h às 13h e último das 17h às 19h.

No sábado, a imprensa ficará concentrada na lira, com acesso pelo lado da rua Dez de Julho, para acompanhar as honras militares e saída do cortejo.

Trajetória política – Natural do município de Eirunepé, Amazonino Mendes tinha 83 anos de idade. Em sua longa carreira política foi Senador da República, prefeito de Manaus por três mandatos e quatro vezes governador do Estado. O político amazonense faleceu no domingo, 12/2, vítima de complicações de saúde, em São Paulo, onde estava internado.

Da Redação com informações assessoria de imprensa

Foto: Divulgação

Fique ligado em nossas redes

Você também pode gostar

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

spot_img

Últimos Artigos

- Publicidade -