26.3 C
Manaus
sexta-feira, maio 17, 2024

Comissão de Defesa do Consumidor da Aleam pretende acionar empresa de energia para conserto de postes em comunidades do AM

Deputado João Luiz também destacou que a concessionária de energia precisa ser sensível em alguns casos em que consumidores estão passando por problemas financeiros

Por

O presidente da Comissão de Defesa do Consumidor da Assembleia Legislativa do Amazonas (CDC/ALEAM), deputado João Luiz (Republicanos) afirmou durante o Grande Expediente nesta segunda-feira, 12/9, que a comissão vai acionar a concessionária Amazonas Energia para consertar postes de energia, que estão caindo em comunidades no interior do estado devido a vazante dos rios.

“Dias atrás nós estivemos em algumas comunidades e verificamos que alguns postes de energia estão caindo de barrancos devido a vazante. Um exemplo são comunidades em Manacapuru, que estão há três dias sem energia elétrica. Nós estamos reivindicando que a empresa desloque uma equipe para reparar urgentemente esses danos aos moradores do interior do Amazonas”, disse João Luiz.

O parlamentar alertou que essa situação está causando problemas para agricultores, que estão perdendo plantações no interior.

O deputado João Luiz também destacou que a concessionária de energia precisa ser sensível em alguns casos em que consumidores estão passando por problemas financeiros.

“O consumidor não quer deixar de pagar energia, mas precisa-se ter uma humanização da empresa Amazonas Energia e olhar pelo cliente, ou seja, ter sensibilidade na hora de parcelar uma conta/”, explicou o parlamentar, que ressaltou que a CDC/ALEAM realizou 5.230 atendimentos, 1.200 audiências públicas, 24 Praças do Consumidor, 13 Balcões do Consumidor e dentre outros trabalhos.

Educação – João Luiz também falou na tribuna sobre a importância da educação para a população amazonense. “Sabemos da importância da educação e não podemos deixar de falar da escola estadual Terezinha Almeida, localizada no bairro Alvorada, que tem uma estrutura moderna, que não perde para nenhuma outra unidade de ensino na capital. Durante sete anos esse prédio estava com as obras paralisadas, foram retomadas e entregue há pouco tempo. Também não podemos deixar de falar sobre a modernização e inovação de laboratórios de informática em escolas do estado”, concluiu.

 

Da Redação com informações da assessoria de imprensa

Foto: Danilo Mello / Aleam

Fique ligado em nossas redes

Você também pode gostar

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

spot_img

Últimos Artigos

- Publicidade -