27.3 C
Manaus
domingo, junho 23, 2024

Denúncia: Por falta de combustível, transporte escolar da rede estadual deixa de funcionar na zona rural de Boa Vista

Além da denúncia do descaso com o transporte escolar de Bom Intento, na semana passada, o tio de dois alunos da Escola Estadual José Nilo de Melo, que não quis ter a identidade revelada, também denunciou a mesma falta cometida pelo Governo de Roraima, comandado por Antonio Denarium, com os alunos que vivem no Passarão, zona rural de Boa Vista

Por

Em Roraima, a professora Iomara Alves, que é mãe de um aluno da Escola Estadual Ana Libória, denunciou o descaso vivido por estudantes de Bom Intento, zona rural de Boa Vista. Segundo ela, os alunos estão sem transporte escolar porque “falta combustível para os ônibus cumprirem a rota”, consequência do abandono da gestão do governador Antonio Denarium (PP) com a pasta da Educação. A denúncia foi feita à rádio 93 FM, nessa segunda-feira, 13/6.

Ainda conforme a denunciante, o mesmo problema se alastrou na região do Truaru, bem como nos bairros Pedra Pintada e Monte Cristo. Iomara disse, ainda, que em determinada ocasião, um motorista avisou que não há previsão para normalização. “O motorista disse que estavam usando o [combustível] que sobrou de um evento que o governador [Denarium] fez e colocou para levar os alunos”, comentou Iomara.

A professora revelou, ainda, que possui uma motocicleta e que, por conta disso, consegue levar o filho ao colégio. “Eu agradeço a Deus que tenho uma moto, e vou na chuva levar meu filho. Mas tem alunos que dá pena, que não têm como ir pra escola e estão perdendo o bimestre”, lamentou a mulher.

Por fim, a denunciante questionou o motivo de somente os ônibus que prestam serviço ao Governo de Roraima apresentarem tantos problemas. “Por que os ônibus param por falta de combustível? Se os ônibus da Prefeitura [de Boa Vista] não faltam um dia, se os ônibus da Universidade Federal não faltam um dia. Só os do Governo que param”, finalizou Iomara.

Mais denúncias – Na semana passada, o tio de dois alunos da Escola Estadual José Nilo de Melo, que não quis ter a identidade revelada, denunciou a falta de transporte escolar para alunos que vivem no Passarão, zona rural de Boa Vista.

O ano letivo da rede estadual começou sem transporte escolar. Conforme o denunciante, há cerca de um mês foi regularizado, mas no último dia 6 de junho, já ocorreu a nova interrupção nas rotas do Novo Passarão e Comunidade do Anzol.

À época, a Secretaria de Educação e Desportos (Seed) afirmou que o serviço do transporte escolar iniciou após a suspensão de quase dois anos, respeitando o quantitativo de rotas existentes no início do processo administrativo.

Sem resposta – A equipe do Portal O Convergente solicitou nota da Secretaria de Comunicação do Governo de Roraima sobre o a denúncia, mas até a publicação da matéria não obteve retorno.

—-

Da Redação com informações do Roraima em Tempo
Foto: Divulgação/Secom

Fique ligado em nossas redes

Você também pode gostar

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

spot_img

Últimos Artigos

- Publicidade -