26.3 C
Manaus
quarta-feira, abril 24, 2024

PCB lança professora Sofia Manzano como pré-candidata à Presidência

Militante do PCB desde os 17 anos, Sofia Manzano é professora da Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia (UESB) e tem longa trajetória nas lutas da juventude e do movimento sindical

Por

No último fim de semana, o Partido Comunista Brasileiro (PCB), lançou o nome da professora Sofia Manzano como pré-candidata à Presidência da República pela sigla. Economista, doutora em História Econômica pela Universidade de São Paulo (USP) e militante do PCB desde os 17 anos, Sofia Manzano é professora da Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia (UESB) e tem longa trajetória nas lutas da juventude e do movimento sindical. Membro do Comitê Central do PCB, foi presidenta da União da Juventude Comunista (UJC), participou ativamente na reconstrução revolucionária do PCB e, no movimento sindical, foi vice-presidente da Associação dos Docentes (ADUSB – seção sindical do ANDES).

Para o partido, a pré-candidatura da professora Sofia representa uma alternativa de esquerda para a crise brasileira e se propõe a qualificar o debate sobre uma saída popular para os graves problemas que afligem os trabalhadores, a juventude e a população em geral. Ainda segundo a sigla, a pré-candidatura de Sofia Manzano significa um contraponto que aponta para a reconstrução do Brasil na perspectiva do poder popular, mediante um programa que busca uma transformação radical da sociedade brasileira.

Segundo a economista, o Brasil vive atualmente uma dramática crise econômica, social e política, com a perspectiva de um Produto Interrno Bruto (PIB) negativo este ano, com cerca de 20 milhões de desempregados, que estão nas filas da fome e disputando ossos e pelancas de carne nos caminhões de lixo. Alia-se a isso, a maior queda no poder aquisitivo dos trabalhadores nos últimos 20 anos e o aumento da inflação que vem corroendo o poder de compra da população e aumentando ainda mais a fome e a miséria da população.

Currículo – Sofia Manzano é formada em Ciências Econômicas pela Pontifícia Universidade Católica (PUC–SP), tem mestrado em Desenvolvimento Econômico pela Unicamp e doutorado em História Econômica pela USP. Paulistana de 50 anos, vive na Bahia há nove anos, é casada e mãe. Além de sua atuação política na reconstrução revolucionária do PCB, teve importante atuação, pela UJC, na reconstrução do movimento comunista internacional após o fim da URSS. Foi candidata à vice-presidente da república, em 2014, na chapa com Mauro Iasi.

—-

Da Redação com informações assessoria de comunicação

Foto:

 

Fique ligado em nossas redes

spot_img

Você também pode gostar

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

spot_img

Últimos Artigos

- Publicidade -