26.3 C
Manaus
quarta-feira, abril 24, 2024

Psol anuncia novo pré-candidato ao Governo do Amazonas para as Eleições de 2022

O nome do professor da rede pública de ensino Jevaldo Silva foi lançado pelo Partido Socialismo e Liberdade (Psol) como pré-candidato ao cargo de governador do Amazonas. A sigla já tinha anunciado o advogado Marcelo Amil como pré-candidato a chefe do Executivo Estadual, entretanto, voltou atrás, após diálogos com as lideranças do partido

Por

O diretório estadual do Partido Socialismo e Liberdade (Psol) anunciou a pré-candidatura do professor da rede pública de ensino, Jevaldo Silva, como pré-candidato ao Governo do Amazonas nas eleições de 2022. O ex-governador do Estado, Amazonino Mendes (sem partido) e o deputado estadual Ricardo Nicolau (Solidariedade) também já anunciaram suas pré-candidaturas ao Governo do Amazonas nas eleições do ano que vem.

Além deles, o senador Eduardo Braga (MDB) também tem seu nome ventilado como possível candidato a chefe do Executivo Estadual, e o atual governador do Amazonas, Wilson Lima (PSC) deve tentar a reeleição em 2022.

Em novembro deste ano, o Psol já tinha anunciado o advogado Marcelo Amil como pré-candidato ao Governo do Estado pelo partido, entretanto, voltou atrás e lançou o nome de Jevaldo “após muitos diálogos com a maioria das tendências internas do partido”. A sigla informou que o professor reúne algumas das principais pautas de lutas do partido.

“É uma candidatura negra, popular, oriunda dos movimentos sociais e das lutas dos educadores, orientada pelo ecossocialismo e que buscará combater a destruição ambiental e a desigualdade social”, disse em comunicado.

Pré-candidato – Jevaldo é amazonense, nascido em Manaus. É graduado em Geografia, Especialista em Educação Ambiental e mestre em Geografia, ambos pela Universidade Federal do Amazonas (Ufam). Também é professor das redes públicas municipal e estadual de ensino, e um dos militantes históricos do Psol-AM, onde já foi candidato a vereador.

“Queremos apresentar para a sociedade amazonense uma pré-candidatura concreta, que se coloca como alternativa real de combate aos retrocessos que têm trazido fome, miséria, insegurança, desemprego e tanto sofrimento para a população”, declarou Jevaldo.

Psol – A sigla defende candidatura própria, tanto estadual quanto nacional, para combater a gestão do presidente da República Jair Bolsonaro (PL), sem fazer, segundo o partido, concessões que prejudiquem a classe trabalhadora e as pessoas mais vulneráveis.

—-

Por Redação

Foto: Divulgação

Fique ligado em nossas redes

spot_img

Você também pode gostar

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

spot_img

Últimos Artigos

- Publicidade -